X

Notícias

Adolescente é picada por cobra

Geral, Notícias
-
14/01/2019 15:56

Uma adolescente de 17 anos foi picada por uma cobra por volta das 18h30 de sábado (12) no bairro Jardim Bandeira, em Marmeleiro

Fotos Rúbia Sampietro Biava
Legenda da foto

 Adolescente é picada por cobra

Segundo a irmã Rubia, as duas caminhavam pela rua, quando a adolescente R.C.S, de 17 anos foi picada no pé por uma jararaca de pequeno porte.

A adolescente foi trazida pelos pais até a UPA em Francisco Beltrão, onde recebeu os primeiros atendimentos e em seguida foi encaminhada ao Hospital São Francisco.

Ela recebeu o soro e permaneceu internada até ontem (13).

A jararaca (Bothrops jararaca) é uma serpente (Ordem Squamata) que pertence à família Viperidae (Subfamília Crotalinae) e pode ser encontrada no Brasil nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia em ambientes de Mata Atlântica, Cerrado e áreas antrópicas ─ mais comum em áreas rurais perto de plantações, mas também podem aparecer em áreas periurbanas.

Possui um padrão de escamas bem caracterizada por desenhos dorsais em “V” invertido escuros bem destacados, orlados de cores mais claras, corpo delgado tendo em media 120 cm de comprimento. Há variação nas cores ao longo de sua distribuição geográfica, com indivíduos apresentando tons cinza, pardo-esverdeados, amarelados e marrons. Geralmente o ventre é claro com manchas irregulares. A jararaca é ativa durante a maior parte do ano e as fêmeas tendem a serem maiores e mais pesadas do que os machos da espécie.

Seu veneno é muito potente e causa muita dor e edema no local da picada, podendo haver sangramento também nas gengivas ou em outros ferimentos pré-existentes. Contra estes efeitos, o antídoto correto é o soro antibotrópico, específico para picadas de jararacas. (Extraído do site Infoescola).