X

Notícias

Com nocaute brutal, Brunson “apaga” Lyoto na luta principal do UFC SP

UFC
-
29/10/2017 07:19

Brasileiro sofre terceiro revés consecutivo, enquanto americano consegue segundo nocaute seguido no primeiro assalto

Foto: Reprodução Combate GE
Legenda da foto

O cartaz do evento anunciava o retorno do Dragão. O ginásio do Ibirapuera vibrou com a entrada de Lyoto Machida no octógono, após cumprir suspensão de 18 meses por doping. O cenário era propício para o brasileiro retomar o caminho das vitórias, mas esqueceram de avisar Derek Brunson. Impiedoso, ele nocauteou o rival em apenas 2m30s do primeiro round e impôs o terceiro resultado negativo seguido ao dono da casa.

A postura respeitosa em relação a Lyoto contrastou com a de Colby Covington, que venceu a luta anterior contra Demian Maia e ofendeu o Brasil e os brasileiros. Com isso, Brunson recebeu aplausos do público antes de lançar o desafio a Luke Rockhold.

– Lyoto sempre será Lyoto. Ele pode perder o gás, o timing, mas nunca as habilidades. É muito bom vencer uma lenda como ele. Eu esperei para entrar no tempo certo. Cadê você, Luke Rockhold? Eu estou aqui para lutar com você – declarou.

A luta

Normalmente agressivo e, por vezes, precipitado, Brunson começou com a mesma postura de respeitar o jogo do rival que teve quando enfrentou Anderson Silva. Tranquilo, Lyoto esquivou da primeira investida e conectou o contragolpe. Parecia que o Dragão levaria o americano para dentro do seu jogo, mas um cruzado de esquerda fez Machida ir ao solo e levar mais uma sequência de socos até a interrupção do árbitro central.

Derek Brunson comemora a vitória por nocaute sobre Lyoto Machida no UFC São Paulo (Foto: Getty Images)

Derek Brunson comemora a vitória por nocaute sobre Lyoto Machida no UFC São Paulo (Foto: Getty Images)

UFC