X

Notícias

Condenado por homicídio de policial foge da UPA de São José do Cedro

Notícias, Policial
-
22/10/2018 21:41

Maicon Mallmann, de 35 anos, fugiu da Unidade Prisional Avançada na tarde de sexta

Foto: Divulgação
Legenda da foto

Maicon Mallmann, de 35 anos, que estava preso na Unidade Prisional Avançada de São José do Cedro, condenado pelo homicídio do policial de São Miguel do Oeste, cabo Levi Busnello, acabou fugindo da penitenciária na última sexta-feira, 19.

Segundo as informações a fuga ocorreu entre as 13 e 14h, do alojamento do regime semiaberto da Unidade Prisional de São José do Cedro. O detento não estava trabalhando em nenhum setor interno e por ser do semiaberto, seu local de alojamento não é dentro das celas, onde existe maior segurança.

Condenação

Malmann foi condenado a 17 anos e 6 meses de prisão em regime fechado. Ele foi julgado pela morte do cabo Levi Busnello, no dia 23 de outubro de 2002. Na época a vítima tentava fazer a abordagem de um Tempra, dirigido pelo autor em alta velocidade.

Quando o policial fez sinal de parada, o preso acelerou o veículo que colidiu contra o policial. Busnello teve ferimentos graves e morreu no local do acidente.

Em 25 de março de 2013 novamente ele dirigia, deste vez um Gol, no bairro Estrela, quando a Polícia tentou fazer uma abordagem, mas ele fugiu. Durante a fuga, jogou o veículo contra policiais que estavam fazendo a segurança preventiva de um evento.

Já no dia 14 de março do ano passado ele não acatou ordem de parada da PM e empreendeu fuga quando conduzia um Gol, fugindo pela Waldemar Rangrab, na contramão, colocando em risco a vida de outras pessoas que passavam pela via.

Após uma colisão Mallman saiu do veículo e continuou a fuga a pé, percorrendo cerca de 100 metros, quando tentou invadir uma residência para se esconder dos policiais. Dentro do automóvel foi encontrado um revólver calibre 38 e maconha.

A justiça concedeu uma saída temporária no começo deste mês e ele havia retornado no prazo correto. O detento não teria motivos aparentes para fuga, já que está encerrando o cumprimento da pena.

Buscas

Após a confirmação da fuga, PM e Justiça foram informados para iniciarem as buscas. A Delegacia Regional da Polícia Civil também auxilia nas diligências para recapturar o preso.

R Peperi/ Fronteira Online