X

Notícias

Condicionamento físico tem sido um dos segredos da Chapecoense

Esportes, Nacional
-
28/10/2016 10:16

Após classificação na Sul-Americana, Verdão volta a campo no sábado, pela Série A

Legenda da foto

Mesmo com o pouco tempo de recuperação entre o final do jogo contra o Junior Barranquilla e o duelo contra o Corinthians, às 16h30min deste sábado, a Chapecoense não deve poupar jogadores no Brasileirão. Após a partida pelas quartas de final da Sul-Americana. o técnico Caio Júnior chegou a cogitar poupar alguns atletas, temendo pelo desgaste de um jogo intenso e debaixo de chuva. Mas na avaliação de sangue e de urina dos jogadores na reapresentação foi constatada a rápida recuperação.

– Eles estão no ápice da condição física – destacou Caio Júnior, que se demonstrou surpreso com a forma física do Verdão.

Não é à toa que o preparador físico Anderson Paixão faz parte da comissão técnica da Seleção Brasileira. No final da tarde de ontem, quando a lista de relacionados para enfrentar o Timão foi divulgada, constavam todos os jogadores que atuaram na Sul-Americana.

Caio Júnior deve fazer apenas alguma mudança estratégica. Josimar, que entrou no segundo tempo contra o Junior Barranquilla, pode começar jogando. É provável também o retorno de Kempes.

O capitão Cleber Santana reclamou do calendário, que prevê menos de 72 horas entre um jogo e outro. Apesar de estar contagiado pela euforia da torcida e com a possibilidade de um título internacional, o meia ressalta que a Chapecoense não pode esquecer do Brasileirão. A busca pelos três pontos que faltam para garantir a permanência já está gerando uma ansiedade no grupo.

– Temos que lembrar que alguns times que foram bem na Sul-Americana foram rebaixados – disse o atacante Ananias.

Um deles foi a Ponte Preta, que foi vice-campeã do torneio continental em 2014 e caiu para a Série B. Por isso, o Verdão vai a São Paulo em busca da vitória diante do Corinthians.

Orgulho nas ruas de Chapecó

O dia após a classificação para semifinal da Copa Sul-Americana foi de alegria em Chapecó. Apesar da chuva pela manhã e o frio à tarde, alguns torcedores fizeram questão de usar a camisa verde e branca pelas ruas. O auxiliar de padeiro Luís Felipe Rodrigues e a namorada Indianara Boita pretendiam ir ao estado na quarta-feira, mas desistiram na hora por causa da chuva. Acabaram acompanhando a partida pela televisão. Mas ontem fizeram questão de sair de casa com as camisas do clube.

– Dá orgulho de torcer para este time, eles jogaram com muita garra – destacou Indianara.

Luís acredita que a Chapecoense tem condições de buscar o título. Depois da vitória maiúscula por 3 a 0 sobre o time colombiano, a torcida inteira ficou animada.

DC/ Fronteira Online