X

Notícias

Condutores tem CNH recolhida após se recusarem a fazer o teste do Bafômetro

Notícias, Policial
-
31/10/2016 11:39

Fato ocorreu na noite de domingo na Avenida Paraná em Dionísio Cerqueira

Legenda da foto

A Polícia Militar de Dionísio Cerqueira realizou na noite de domingo, 30, uma operação de trânsito na Avenida Paraná, onde quatro condutores tiveram a Carteira Nacional de Habilitação recolhida após se negarem a realizar o teste do Bafômetro. O fato foi registrado por volta das 21h30, em frente ao antigo posto Texaco.

No local o condutor de um veículo VW Gol, emplacado em São Miguel do Oeste (SC), foi autuado por não portar documentos de porte obrigatório, e teve a CNH recolhida pois se negou a efetuar o teste de alcoolemia, mesmo caso dos condutores de um Fiat Stilo, placas de Pinhais (PR), VW Saveiro, registrada em Bom Jesus do Sul (PR) e de um Fiat Palio de Princesa (SC).

Vale destacar que o limite de tolerância de álcool é zero. Se for constatado que há qualquer indício de álcool no organismo do condutor, o qual não necessariamente deve ser apontado pelo bafômetro – posto que com a mudança da lei o próprio policial pode fazer o termo de constatação de embriaguez -, o condutor é penalizado com multa de R$ 1.915,40 e infração de trânsito gravíssima, com 7 pontos na carteira, perdendo assim o direito de dirigir por 12 meses.  Um copo de cerveja, ou uma taça de vinho, é o suficiente para isso. Decorridos os 12 meses, o condutor poderá fazer uma reciclagem da CNH e recuperar o direito de dirigir.

Ainda durante o atendimento da ocorrência, uma jovem de 19 anos de idade, permaneceu no local perturbando e atrapalhado os trabalhos da guarnição, e mesmo depois de ser advertida várias vezes continuou com o comportamento.

Diante da repetida perturbação, foi lavrado termo circunstanciado em desfavor da mulher, que foi liberada logo após assinar termo de compromisso para comparecimento na audiência no fórum da Comarca.

Fronteira Online