X

Notícias

Em uma semana, agentes capturam 300 escorpiões em cidade do PR

Notícias, Saúde
-
07/10/2017 10:35

No mês de agosto, um menino de quatro anos morreu após ser picado por um escorpião em Jussara, no PR

Agentes capturaram 300 escorpiões em uma semana. (Foto: Divulgação/Prefeitura de Jussara)
Legenda da foto

Agentes do setor de endemias de Jussara, no noroeste do Paraná, capturaram 300 escorpiões em uma semana, durante mutirão em imóveis e terrenos. O município está em situação epidêmica, segundo a Prefeitura.

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) informou que a cidade está entre as quatro do estado com o maior índice de picadas por escorpião neste ano. De janeiro a agosto, foram registrados 27 casos de pessoas picadas.

Jussara está em campanha de limpeza em terrenos, para evitar a aparição dos escorpiões. Segundo o setor de endemias, do dia 28 de setembro a 1º de outubro foram recolhidas 120 toneladas de entulhos.

A prefeitura informou que vai contratar, em caráter emergencial, 15 funcionários para trabalhar diretamente na captura e na orientação de moradores sobre o assunto.

Mortes por picadas de escorpiões

No final do mês de agosto, um menino de quatro anos morreu depois de ser picado por um escorpião enquanto dormia, em Jussara. Na mesma cidade, outra criança também foi picada dias depois, mas recebeu alta em seguida.

Ainda na região noroeste, em Cianorte, uma menina de cinco anos morreu após ser picada por um escorpião na sala de casa. O caso foi registrado no mês de setembro.

Os escorpiões preferem o tempo seco e se escondem em meio aos entulhos, folhas, tijolos e madeiras que ficam nos quintais das casas.

G1