X

Notícias

Filmes para ver no fim de semana

Dicas, Entretenimento
-
22/10/2016 09:55

Confira as dicas para quem quer curtir um filminho

Legenda da foto

DHEEPAN – O REFÚGIO
(Dheepan) – De Jacques Audiard. Com Jesuthasan Antonythasan. Este filme
do bom diretor de O profeta (2009) e Ferrugem e osso (2012) causou alguma controvérsia ao ganhar a Palma de Ouro no Festival de Cannes. É um drama de caráter realista que chama a atenção também pela incorporação dos códigos dos longas de ação. Narra a tragédia e, ao mesmo tempo, uma espécie de redenção pela violência dos refugiados que fogem da insana guerra civil do Sri Lanka para tentar uma vida melhor em Paris. Vale a pena. Drama, França, 2015, 115min.Telecine Cult, sábado, 23h05min

CLEÓPATRA
De Júlio Bressane. Com Alessandra Negrini. Um dos pais do chamado Cinema Marginal e, na contemporaneidade, um dos mais radicais cineastas brasileiros, Bressane visitou o mito da rainha egípcia de uma forma bem particular: dotou a personagem de uma impressionante força feminina e tingiu-a com as cores quentes do tropicalismo. Júlio César (Miguel Falabella) e Marco Antônio (Bruno Garcia) são figuras caricatas facilmente dominadas pela mulher. Drama, Brasil, 2007, 116min. Canal Brasil, madrugada de sábado para domingo, 0h35min

SOBRE MENINOS E LOBOS
(Mistic river) – De Clint Eastwood. Com Sean Penn, Kevin Bacon e Tim Robbins. Grande filme de ator que Eastwood realizou a partir da obra de
Dennis Lehane. Tem algumas das marcas mais notáveis de seu trabalho na direção (a questão da honra é central em seus longas e o presente invariavelmente surge como consequência de ações passadas), mas o grande destaque é a homogeneidade do elenco – Penn e Robbins ganharam os dois Oscar de interpretação masculina pelos seus papéis. A trama: o assassinato de uma adolescente faz com que seu pai se veja unido a dois amigos de infância, um deles o policial responsável pelas investigações, para buscar justiça. Drama, EUA, 2003, 137min. Max, madrugada de sábado para domingo, 1h

BIRDMAN (OU A INESPERADA VIRTUDE DA IGNORÂNCIA)
De Alejandro González Iñárritu. Com Michael Keaton, Edward Norton, Emma Stone e Zach Galifianakis. O filme da consagração do diretor mexicano de Amores brutos (2000) e Babel (2006) – que com O regresso (2015) surpreendeu ganhando um raro segundo Oscar consecutivo. Em Birdman, o falso plano-sequência é apenas a evidência mais clara do seu maneirismo ao narrar a história do ator que fez sucesso interpretando um super-herói e agora quer o reconhecimento artístico no teatro. Mas a história é boa, a trilha funciona e os personagens secundários têm algo a acrescentar. O resultado é positivo, no fim das contas. Drama, EUA, 2014, 119min. Telecine Cult, domingo, 18h45min

YVES SAINT LAURENT
De Jalil Lespert. Com Pierre Niney, Guillaume Gallienne e Charlotte Le Bon. Boa cinebiografia do estilista especialmente a partir de quando ele é chamado, em 1957, aos 21 anos, para cuidar do futuro da prestigiosa grife de alta costura fundada por Christian Dior. O visual do longa é muito bonito, e a abordagem de sua complexa personalidade, delicada. Um filme elegante. Drama, França/Bélgica, 2014, 106min. Telecine Cult, domingo, 23h10min

O GAROTO DA BICICLETA
(Le gamin au vélo) – De Jean-Pierre e Luc Dardenne. Com Thomas Doret, Cécile De France e Jérémie Renier. Um dos melhores filmes dos irmãos belgas Dardenne, dupla que sintetiza com sua obra poderosa a obsessão do cinema autoral contemporâneo por uma estética hipernaturalista. Com a crueza de costume, Jean-Pierre e Luc fazem neste longa premiado no Festival de Cannes (com o Grand Prix) um retrato duro mas ao mesmo tempo poético do abandono infantil. Drama, Bélgica/França/Itália, 2011, 87min. Arte 1, domingo, 23h30min

TV aberta:
O PROFESSOR ALOPRADO (The nutty professor)
– De Tom Shadyac. Com Eddie Murphy, Jada Pinkett Smith e James Coburn. Este filme que fez sucesso popular nos anos 1990 é uma versão do longa homônimo de 1963, escrito, dirigido e estrelado por Jerry Lewis. A história é a de um professor universitário que ingere um experimento ainda em fase de testes que o faz emagracer radicalmente por curtos períodos de tempo. Comédia, EUA, 1996, 95min. Record, sábado, 16h.

GOSTO DE CEREJA (Ta’m e guilass) – De Abbas Kiarostami. Com Homayoun Ershadi. Um dos mais conhecidos filmes do mestre iraniano é também um dos ícones da pungente mas nem sempre bem compreendida cinematografia daquele país. A trama acompanha a jornada de um homem que planeja suicídio e busca alguém para ajudá-lo. Assim como ele tem motivos para querer morrer, descobre que seus interlocutores têm razões morais para ajudá-lo. Ou não. Drama, Irã, 1997, 95min. TV Brasil, madrugada de domingo para segunda, 0h.

DC/ Fronteira Online