X

Notícias

Hamilton sai em defesa de Vettel e diz que batida na largada foi “incidente de corrida”

Esportes, F1
-
19/09/2017 11:04

Inglês da Mercedes afirma que, saindo da pole, alemão pode não ter visto o avanço de Raikkonen. Abandono de Vettel e vitória em Cingapura colocaram Lewis com 28 pontos de vantagem na tabela

Vettel ainda conseguiu completar a primeira curva antes de rodar (Foto: Getty Images)
Legenda da foto

O GP de Cingapura, disputado no último domingo, continua dando o que falar. Max Verstappen colocou a culpa do incidente na largada em Sebastian Vettel, que, por sua vez, se isentou do ocorrido. Agora é a vez de Lewis Hamilton, principal beneficiado pelo abandono do alemão, defender o rival na briga pelo título. Perguntado sobre a batida, o inglês saiu em defesa do tetracampeão da Ferrari.

– Muitas vezes – quando você olha para a minha última largada em Monza – quando você larga, você não pode realmente ver o cara que está em segundo lugar. Eles geralmente estão em seu ponto cego se têm uma boa largada como você, e é difícil saber onde eles estão. Então, seu pensamento imediato é cobrir seu terreno, ir por dentro, proteger e desarmá-los, então eu suponho que é isso que ele (Vettel) fez.

A largada em Marina Bay aconteceu debaixo de muita chuva e Kimi Raikkonen saiu melhor, colocando por dentro da RBR do holandês, que, escapando de Vettel, se tocou com a Ferrari. O finlandês perdeu o controle do carro e acabou atingindo a lateral esquerda do companheiro de equipe. O alemão ainda conseguiu contornar a primeira curva, mas na sequência, com o carro avariado, rodou sozinho, batendo e perdendo o bico. Hamilton considerou o fato um “incidente de corrida” e afirmou que, em meio à confusão, focou em permanecer à frente da Daniel Ricciardo.

– Quando você faz isso, de repente eles aparecem no seu espelho para que você possa entender onde eles estão, ou (se eles estão) em sua visão periférica, mas às vezes você faz isso e você percebe que está à frente, então você realmente não precisava fazer aquilo. Eu não sei se Sebastian se sentia assim ou não. Eu só estava focado em tentar fugir mais rápido do que Daniel (Ricciardo). Eu vi Kimi, então fiquei de olho no que estava acontecendo no meu lado esquerdo e se algum drama acontecesse, eu teria que ir reto na curva 1 e não bater.

GE