X

Notícias

Homem atira na cabeça da namorada de apenas 15 anos em MG

Notícias, Policial
-
13/03/2018 15:13

O crime aconteceu no bairro Rosário 1, na cidade de Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte

Reprodução / Google Street View
Legenda da foto

Um homem de 26 anos foi preso pela PM (Polícia Militar) na tarde desta segunda-feira 12, por volta de 16h, após ter baleado a namorada de 15 anos na cabeça e tentar matar a própria mãe. O crime aconteceu no bairro Rosário 1, na cidade de Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Quando os militares estavam se aproximando da casa da vítima, eles ouviram disparos de arma de fogo. A residência foi cercada por militares, o que fez com que o autor L. L. C., 26 anos, se entregasse. Ainda de acordo com a PM, no momento em que eles entraravam na casa o suspeito tentou fugir pulando uma janela lateral, mas ao ver que estava cercado ele saiu pela porta da casa e jogou a arma no chão.

Já dentro da residência, os militares encontraram a adolescente K. S. J., de 15 anos, caída na sala, ferida. Ela foi socorrida para Upa de Sabará e de lá foi transferida para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte. A adolescente foi atingida por um tiro na cabeça. Segundo os médicos, a bala desceu e se alojou na parte baixa do crânio. A menina está em estado gravíssimo e segue entubada.

A mãe da jovem disse que a filha dela namorava o homem há aproximadamente dois anos. No último sábado 10, durante uma festa, o namorado da adolescente teria reclamado que ela não estava lhe dando a devida atenção.

Nessa segunda-feira 12, o rapaz foi à casa da família e chamou a vítima para conversar do lado de fora, mas no momento em que Solange, mãe da menina, a chamou para entrar na residência o jovem a pegou pelo pescoço, colocou a arma na cabeça dela e a empurrou para dentro de casa.

Dentro da casa, o homem teria afirmado que se alguém tirasse a jovem dele, ele iria matá-la e suicidar logo em seguida.

O irmão da adolescente, contou a mesma versão apresentada por sua mãe. O jovem chegou a se encontrar com a mãe do autor, que o alertou para que não entrasse em casa, porque o homem havia apontado uma arma para ela. Segundo a mulher, ela só não foi ferida porque a arma falhou.

De acodo com o autor do crime, a vítima teria terminado o namoro com ele nessa segunda-feira, após se deixar levar pela mãe. Como não estava satisfeito, ele foi até a casa da jovem, com uma arma, que segundo ele, havia sido comprada há dois dias antes.

Ele chamou a adolescente para conversar e, como o relacionamento não foi reatado, ele a puxou pelo pescoço, a levou para dentro da casa dela, e atirou três vezes contra a adolescente, dentro da sala. Em seguida, ele disse que tentou se matar, mas a arma falhou e não saiu o tiro.

O homem ainda disse que chegou a apontar a arma para a mãe dele, mas que não efetuou nenhum disparo contra ela.

A mãe do homem, identificada como S. A. dá C., não foi encontrada. Moradores disseram que ela estava em estado de choque e que havia seguido para casa de parentes. O endereço dos parentes não foi repassado para PM.

O autor foi levado para Upa de Sabará, lá ele foi medicado, liberado e conduzido até a Delegacia de Plantão de Sabará. A Polícia Militar ainda recolheu duas munições picotadas e três deflagradas.

R7