X

Notícias

Inter recebe licença para começar obras de Centro de Treinamentos em Guaíba

Esportes
-
30/06/2017 10:38

“Cidade do Inter” terá espaço para 14 campos oficiais além de um estádio

Projeto da Cidade do Inter em Guaíba (Foto: Hype / DVG)
Legenda da foto

Ao que tudo indica, a “Cidade do Inter” sairá do papel. Nesta quinta-feira, o clube recebeu a Licença de Instalação do centro de treinamento em Guaíba. A partir de então, o clube está apto para iniciar as obras do futuro CT profissional e da base.

O governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, entregou o documento ao vice-presidente do conselho de gestão do Internacional, Humberto Cesar Busnello, que representou o presidente Marcelo Medeiros. O evento ocorreu no Palácio Piratini, no salão Alberto Pasqualini.

O projeto será realizado em fases, sendo que o desenho arquitetônico já está finalizado. A cidade de Guaíba fica a 30 quilômetros de Porto Alegre. A área útil do CT compreende 41 hectares e 88 hectares de área total. Um hectare será destinado à escola pública.

A intenção é que a “Cidade do Inter” vire um polo turístico. Entre as atrações estão a trilha ecológica e a possibilidade de deslocamento de catamarã, pois o Beira-Rio fica às margens do Guaíba. A embarcação já faz travessias diárias entre as duas cidades.

O espaço abrigará um centro clínico completo, com áreas para serviço social, salas de psicologia, odontologia, nutrição, fisiologia, fisioterapia, departamento médico, sala de procedimentos, eletrocardiograma e raio-x, além de musculação, bem como bares, restaurantes e lojas de conveniência.

O projeto aponta para um estádio com capacidade para 14 campos oficiais com grama natural, três reduzidos e um totalmente coberto, além de um estádio para 2.500 pessoas para abrigar jogos das categorias de base. E dois com piso sintético, que serão cobertos, além de torre de imprensa e sala de rádio. O alojamento terá capacidade para 200 atletas e em teste.

Atualmente, a base trabalha na Morada dos Quero-Queros, em Alvorada. Enquanto isso, os profissionais seguem no CT do Parque Gigante.

GE/ Fronteira Online