X

Notícias

Menino abandonado, mulher é apontada como suspeita de tráfico internacional de pessoas

Notícias, Policial
-
24/10/2017 15:45

Novas informações sobre o caso do garotinho localizado no dia 10 vieram à tona nesta terça

Segundo a polícia, ninguém procurou pelo menino ainda (Foto: Divulgação/Vara da Infância e Juventude)
Legenda da foto

O Promotor de Justiça, Luciano Machado, falou no começo da tarde desta terça-feira, 24, sobre o caso do menino abandonado no Bairro Cascavel Velho, em Cascavel. Ele esteve no Nucria e apesar de não dar detalhes sobre a investigação afirmou que novas informações sobre o caso vieram à tona nesta terça.

Ainda segundo as informações a mulher, conhecida no local como “Maria Paraguaia”, e que em princípio alegou ter encontrado o menino sozinho em frente de sua residência, foi conduzida para o Nucria, após denúncias de que ela teria trazido a criança do Paraguai para uma adoção ilegal.

De acordo com moradores do bairro, o menino teria sido entregue a um casal, que o devolveu por conta de suspeitas com a documentação. Surgiu, então, a hipótese de que a responsável por trazer o garoto do país vizinho, tenha forjado uma situação para despistar a polícia.

O Promotor esclareceu que se ficar confirmado tráfico internacional, a Polícia Federal deverá entrar no caso.

Adolescentes encontradas na casa de “Maria Paraguaia”

Outras duas menores de idade, foram encontrados na manhã desta terça, na casa de Maria Paraguaia, e foram encaminhados para Casa de Acolhimento.

Uma adolescente e uma criança foram localizadas durante diligências da polícia. As menores estavam na casa da mulher que nesse momento se tornou suspeita de envolvimento com o caso do garoto abandonado.

Uma coletiva de imprensa está marcada para às 17h30, no Fórum da Justiça Estadual, quando novas informações serão repassadas.

CGN/ Fronteira Online