X

Notícias

Nos pênaltis, Furacão bate o Bahia e pega o Fluminense na Sul-Americana

Esportes
-
01/11/2018 10:16

Atlético-PR perde o jogo no tempo normal por 1 a 0, na Arena da Baixada, mas nos pênaltis leva a melhor e vence por 4 a 1. Próximo desafio será diante do Fluminense nas semifinais

Foto: Reinaldo Reginato/Fotoarena / LANCE!
Legenda da foto

Foi sofrido, mas o Atlético-PR se classificou para as semifinais da Copa Sul-Americana! No tempo normal, vitória do Bahia por 1 a 0. Resultado que levou a decisão nos pênaltis. Nas penalidades máximas, brilhou o goleiro do Santos e a eficiência de todos os cobradores do Furacão, que garantiram a vitória por 4 a 1. Agora, o time atleticano irá encarar o Fluminense na próxima fase.

Apesar da vantagem, o Atlético-PR começou a partida pressionando. Antes do primeiro minuto, Pablo soltou uma bomba, mas por cima da meta. Um pouco depois, o centroavante cobrou uma falta, mas o goleiro Douglas fez firme defesa. Só que o ímpeto atleticano parou por aí. De chance real mesmo, o time só criou mais uma, aos 40, quando Pablo deixou Marcelo Cirino na cara do gol, mas ele demorou pra bater e acabou chutando em cima do zagueiro Lucas Fonseca.

Aos poucos o Bahia foi se soltando em campo. O time baiano até chegou a marcar aos seis minutos, com Júnior Brumado, mas o lance foi anulado pelo assistente marcar falta do meia Zé Rafael em cima do zagueiro Léo Pereira. Só que, no último lance do primeiro tempo, após uma cobrança de lateral, o Tricolor conseguiu abrir o placar com o zagueiro Douglas Grolli.

No segundo tempo, o Atlético-PR até esboçou uma pressão. mas não teve forças para marcar. Nas melhores chances, Raphael Veiga exigiu uma boa defesa do goleiro Douglas, enquanto Pablo, em cobrança de falta, mandou pela linha de fundo.

O Bahia teve apenas um bom contra-ataque, mas o chute do Edigar Junio foi pela linha de fundo. Desta forma, a decisão foi para a penalidades máximas na Arena da Baixada.

Nos pênaltis, enquanto o Atlético-PR teve 100% de aproveitamento (Jonathan, Raphael Veiga, Lucho e Pablo marcaram todos), o Bahia desperdiçou dois logo de cara (Vinícius e Zé Rafael, enquanto Edigar Junio marcou). Assim, com o 4 a 1 na decisão, o Furacão avançou de fase e se classificou para as semifinais da Sul-Americana.

Na semana que vem, o Atlético-PR irá encarar o Fluminense, na Arena da Baixada, pela partida de ida das semifinais. O confronto da volta ocorrerá apenas no final do mês.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO PARANAENSE 0 (4) X (1) 1 BAHIA
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 31 de outubro de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (Peru)
Assistentes: Jonny Bossio (Peru) e Coty Carrera (Peru)
Cartões amarelos: Renan Lodi, Bruno Guimarães (Atlético-PR); Leo, Vinícius, Elber e Zé Rafael (Bahia)
Gols: Grolli (46’/1ºT)

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André, Léo Pereira, Renan Lodi; Wellington (Bruno Guimarães), Lucho Gonzalez, Raphael Veiga; Marcelo Cirino (Rony), Nikão (Bergson) e Pablo.
Técnico: Tiago Nunes

BAHIA: Douglas, Nino Paraíba, Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Nilton, Elton (Gregore), Flávio, Élber (Vinícius) e Zé Rafael; Junior Brumado (Edigar Junio)
Técnico: Enderson Moreira

Terra