X

Notícias

Sul-americana: tudo que você precisa saber sobre Defensa y Justicia x Chape

Esportes, Internacional
-
28/06/2017 11:00

Em má fase na temporada, Verdão de Santa Catarina mede forças em Buenos Aires com equipe que eliminou o São Paulo

Foto: Infoesporte
Legenda da foto

O campeão vai dar as caras na Copa Sul-Americana. Em má fase no Brasileirão, a Chapecoense tenta reencontrar o caminho das vitórias nesta quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), diante do Defensa y Justicia, pela segunda fase da competição continental, no estádio Norberto “Tito” Tomaghello. O Verdão vem de três derrotas consecutivas na disputa nacional e tem pela frente os algozes do São Paulo, que ficaram em décimo na edição do Campeonato Argentino, que terminou domingo.

Chapecoense – Técnico: Vagner Mancini

As derrotas para Botafogo, Flamengo e Atlético-MG deixaram o clima pesado na Chapecoense para estreia na competição continental. Apesar de a diretoria manter o apoio ao trabalho de Vagner Mancini, houve cobrança externa na Arena Condá no último domingo e vencer na Argentina tem caráter emergencial. No último treino antes da partida, no campo do San Lorenzo, Nenén e Rossi discutiram asperamente e quase chegaram às vias de fato. Para acalmar os ânimos e vencer, o treinador manteve a escalação da partida diante do Galo, apenas com Grolli na vaga do suspenso Luiz Otávio. A Chape vai para campo com Jandrei, Apodi, Grolli, Fabrício e Reinaldo; Girotto, Lucas Mineiro e Luiz Antonio; Rossi, Wellington Paulista e Arthur.

Quem está fora: Andrei Alba, Amaral, João Pedro, Moisés Ribeiro, Nadson, Victor Ramos e Osman (departamento médico). Luiz Otávio (suspenso).

Defensa y Justicia – Técnico: Sebastián Beccacece

A classificação diante do São Paulo não foi obra do acaso. O Defensa y Justicia tem sido uma das grandes surpresas do futebol argentino nos últimos tempos. Com um futebol moderno, a equipe terminou o campeonato nacional na décima posição, com os mesmos 49 pontos de Lanús (8º) e Newell’s Old Boys (9º) e tem lugar garantido já na próxima edição da Copa Sul-Americana. O responsável por esse desempenho, porém, está de saída.

Sebastián Beccacece, de 36 anos, é pupilo de Jorge Sampaoli e fará diante da Chapecoense sua última partida no comando do Defensa antes de se juntar ao tutor na seleção argentina. Em campo, o nome mais famoso é o do meio-campista Jonas Gutierrez. Cria do Velez, ele passou mais de uma década no futebol europeu e se curou de um câncer para seguir atuando. Ele disputou a Copa de 2010 por seu país e chegou ao DyJ em 2016.

GE/ Fronteira Online