X

Notícias

Adolescente com hidrocefalia junta dinheiro para lançar livro e realizar sonho de festa de 15 anos

Notícias
-
08/09/2017 09:01

Com o dinheiro das vendas dos livros, ela pretende realizar o sonho de infância que é ter uma festa de debutante em Rio Preto (SP)

Melhor amigo de Heloíza será o 'príncipe' da valsa (Foto: Reprodução/TV TEM)
Legenda da foto

Uma adolescente de 14 anos, nascida com hidrocefalia, passou por três cirurgias e, hoje, se prepara para lançar um livro e vendê-lo. Heloíza Carmona é apaixonada por crônicas e já tem vários textos escritos. Com o dinheiro arrecadado a partir da venda dos exemplares, ela pretende realizar um sonho de infância: no dia 21 de outubro a jovem quer comemorar seu aniversário em uma festa de debutante, em São José do Rio Preto (SP).

Os passos da valsa já são ensaiados pela estudante e por seu melhor amigo, o Álvaro, que tem síndrome de Down e já foi convidado por ela para ser seu par. “Toda menina, acredito, sonha com uma festa de 15 anos, mas minha mãe não tinha condições. Aí eu pensei e lembrei de um projeto parado que poderia me dar um lucro, que pudesse me ajudar e ajudar a minha família”, conta Heloíza.

Além de Álvaro, os demais amigos da jovem se sensibilizaram com o sonho e estão arrecadando determinadas quantias para o lançamento do livro em uma “vaquinha virtual”. O objetivo era arrecadar R$ 5 mil, mas a vaquinha superou as espectativas. Até esta quinta-feira ,7, foram arrecadados quase R$ 6 mil.

Superação

Com apenas 12 horas de vida, Heloíza Carmona passou pela primeira cirurgia, onde foi implantada uma válvula para drenar o líquido do cérebro. Depois de 15 dias, a válvula entupiu e ela precisou ser submetida ao processo novamente. No ano passado, a adolescente implantou a terceira válvula no cérebro e, mais uma vez, superou as expectativas e os prognósticos dos médicos.

 

“Ela colocou a válvula de dreno. Ela tinha poucas chances de vida, não sabia na verdade o que sentir, se esperava a partida dela, ou se tinha força para ajuda-la. Com 15 dias a válvula entupiu e ela saiu bem da segunda cirurgia e a fé aumentou”, afirma a mãe Luciana Carmona.

Um dos médicos que operou Heloíza está em São Paulo e enviou um vídeo à TV TEM elogiando o esforço da adolescente (veja o depoimento em vídeo acima).

“Você é um exemplo de superação. Tivemos algumas batalhas nos últimos anos contra a hidrocefalia as quais você venceu. Você serve de exemplo para todos os brasileiros que têm esse problema. Além de superar a doença, você sempre mostrou felicidade e perseverança”, disse o neurocirurgião Ricardo Caramanti, no vídeo.

Os dias foram passando e Heloísa contrariou o prognóstico dos médicos, com quase um ano e meio de vida, ela já soltava as primeiras palavras. “Hoje ela é uma aluna participativa, interage bastante com a sala amiga de todas, copia as atividades, é bem aplicada”, afirma a professora Daphne Barboza.

Apesar das dificuldades, Heloíza acredita que terá um futuro brilhante. “Deus pode até fechar uma porta, mas ele vai abrir três. Nada é por acaso, Deus sempre tem um propósito na vida da gente”, finaliza a jovem escritora sonhadora.

G1