X

Notícias

Ainda dá? Veja as chances de título do Palmeiras nas contas de matemáticos

Esportes, Nacional
-
31/08/2017 09:47

Números endossam discurso do técnico Fábio Carille, do Corinthians, que ainda vê o rival no páreo

Palmeiras tem como meta vencer o segundo turno do Brasileirão (Foto: Felipe Zito)
Legenda da foto

São 14 pontos a menos (36 contra 50) e 16 rodadas restantes, mas o Palmeiras ainda é candidato à conquista do Campeonato Brasileiro de 2017. Esta é a opinião, inclusive, do técnico do líder Corinthians. Para Fábio Carille, o time treinado por Cuca, atualmente na quarta posição, é um dos poucos concorrentes, juntamente com Grêmio e Santos.

– Tivemos uma arrancada, o que pode acontecer com outros times. Acho que até o Palmeiras há briga. É muito difícil, mas não impossível. Abaixo do Palmeiras já fica bem mais difícil – disse, à rádio “Jovem Pan”, na última quarta-feira.

A análise do treinador corintiano é endossada por quem se especializou a estudar probabilidades no futebol brasileiro. Para o matemático Tristão Garcia, do site Infobola, o Palmeiras tem 2% de chance de ser campeão brasileiro. Já nas contas do Departamento de Matemática da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), o número é ainda maior: 3,8%.

A diferença é muito grande, e quase todos no Palmeiras entendem que o objetivo se limita a garantir vaga na próxima edição da Libertadores. Mas há também quem prefira não fazer projeções e aguardar a classificação final depois de todos os compromissos restantes, sendo um deles um confronto direto em Itaquera contra o Corinthians, que perdeu dois dos três jogos do segundo turno.

– Nosso campeonato hoje é contra nós mesmos. Temos de procurar evoluir a cada partida, manter esse nível de jogo, nossa distância para o líder é grande ainda. Tem de procurar fazer o máximo possível de pontos. O que não pode acontecer é eles darem brecha e não conseguirmos. Que façamos bem o nosso papel – pede o meio-campista Moisés.

– Não sou de ficar secando, só me concentro em fazer a nossa parte. Se o campeonato permitir, e eles não conseguirem dar sequência, nós fazendo um número de pontos alto… Podemos futuramente comemorar, mas está longe. Nossa briga é Palmeiras contra Palmeiras.

O desejo da comissão técnica, já exposto publicamente, é ao menos vencer o segundo turno. O primeiro foi vencido pelo Corinthians com campanha recorde: 47 pontos (contra 32 do Palmeiras). No ano passado, a equipe dirigida por Cuca ganhou as duas metades da competição, com 36 e 44 pontos, respectivamente. Se repetir os 44 (faltam 40), será preciso que o rival faça no máximo 29.

– O que fica para a gente? Uma dor, porque você começou mal o Brasileiro. Se consegue ter um pouco mais de pontos, estaria mais perto da briga. Mas o campeonato não acabou! Esse ano está um pouco diferenciado, pode, acontecer coisas novas no campeonato, estou otimista – disse Cuca, no domingo, depois da vitória sobre o São Paulo.

GE