X

Notícias

Chapecoense vence o Fluminense e abre cinco pontos do Z-4

Esportes, Nacional
-
23/10/2017 11:13

Com 38 pontos somados, em oito confrontos são seis vitórias e dois empates

Chape vence o Flu por 2 a 0 com gols de Wellington Paulista e Arthur Caike (Foto: Márcio Cunha / especial)
Legenda da foto

A Chapecoense recuperou sua força na Arena Condá, venceu o Fluminense por 2 a 0, neste domingo, e abriu cinco pontos da zona de rebaixamento. Com 38 somados, precisa de oito pontos em oito rodadas para se garantir na elite do futebol brasileiro. Além disso manteve um tabu de nunca ter perdido para o time carioca. Em oito confrontos são seis vitórias e dois empates.

Enquanto o Fluminense poupou o goleador do Brasileirão Henrique Dourado para o confronto da Sul-Americana, contra o Flamengo, a Chapecoense também preservou o técnico Gilson Kleina, que não ficou à beira do gramado, apesar do aval da CBF, para evitar qualquer possibilidade de perda de pontos em virtude de uma suspensão de quando ainda era técnico da Ponte Preta.

Quando a bola começou a rolar a Chapecoense não quis saber de poupar energia. Com a mesma formação eu venceu o Atlético Mineiro na rodada do meio da semana o Verdão começou de forma eletrizante e, com três minutos, já tinha marcado 1 a 0, com Arthur Caike, de cabeça, desviando cruzamento de Reinaldo.

Wellington Paulista teve a chance de ampliar, mas Diego Cavalieri fez a defesa. Amaral, de cabeça, e Canteros, em cobrança de falta, erraram o alvo. O próprio Arthur teve outra chance de cabeça no final do primeiro tempo, mas mandou por cima do gol. O Fluminense pouco chegou. Marlon Freitas teve a melhor chance mas errou o gol. Jandrei também fez uma saída arrojada para evitar a finalização de Pedro.

No início do segundo tempo, em cobrança de falta de Reinaldo, Diego Cavalieri espalmou e a bola sobrou para Wellington Paulista, de calcanhar, fazer 2 a 0. O atacante que ficou 26 jogos oficiais sem marcar, agora fez dois em dois jogos. E, se antes era xingado pela torcida, desta vez foi aplaudido ao ser substituído por Júlio César.

A Chapecoense poderia ter ampliado com Luiz Antônio se Diego Cavalieri não impedisse. Jandrei também fez o seu papel e garantiu uma vitória tranquila.

O próximo adversário será o Atlético Paranaense, domingo, na Arena da Baixada. Até lá a Chapecoense terá uma boa semana para treinar sem a pressão que teve nos últimos meses.

DC