X

Notícias

Confiança, alívio e união: o peso da vitória no clássico para o Palmeiras

Esportes, Nacional
-
29/08/2017 10:32

Resultado contra o São Paulo diminui pressão sobre jogadores e Cuca no dia a dia da Academia

Willian, Keno e Moisés festejam gol marcado pelo Palmeiras (Foto: Marcos Ribolli)
Legenda da foto

Depois de dias conturbados de cobrança e muita pressão, a Academia de Futebol do Palmeiras deve passar a conviver com mais paz e tranquilidade a partir desta segunda-feira. Tudo isso por causa da boa vitória no clássico contra o São Paulo, no último domingo, na arena, pelo Campeonato Brasileiro.

É inegável que o futebol apresentado pelo Verdão ainda precisa de ajustes, m o placar de 4 a 2 sobre o Tricolor alivia bastante o ambiente no clube. A equipe dirigida por Cuca permanece no G-4, enquanto o rival se afunda na zona do rebaixamento.

Após o Choque-Rei, os jogadores destacaram a importância do triunfo e a chance de voltar a vencer no torneio – o time vinha de duas derrotas e um empate.

– É normal essa cobrança que estava no vestiário. Sabemos do nosso potencial e que podemos dar mais. Ninguém quer ser eliminado e perder jogos, nos cobramos por isso. Estamos felizes não só pelo resultado, mas pela forma que construímos o resultado. Começamos o jogo bem e com nível técnico alto. Quando a fase não é boa, no primeiro ataque eles fazem o gol. Precisa ter psicológico bom para mostrar que é grande, conseguimos a virada e no final tomamos um empate. Novamente tivemos de brigar com o psicológico – destacou Moisés.

Um dos destaque contra o São Paulo por causa da exibição na segunda etapa, Luan garante que a vitória importante no clássico será importante também para acabar com especulações que vinham rondado a Academia.

– Aqui não tem ninguém de corpo mole, como as pessoas dizem, querendo derrubar Cuca, Mattos ou o presidente. Somos muito amigos aqui dentro, às vezes as coisas não acontecem e as pessoas procuram problema. Acredito que o resultado alimenta ambiente, só ganhando que afastamos essas coisas daqui.

Com dois dias de folga, o Palmeiras volta aos trabalhos na quarta-feira, na Academia de Futebol. O próximo compromisso do Verdão no Campeonato Brasileiro será somente no dia 9 de setembro, quando enfrenta o Atlético-MG, em Belo Horizonte.

Até lá, a previsão é de dias mais tranquilos de preparação.

– Duas semanas sem jogos e trabalhar com derrota, imagina como seria, né? Isso é uma pequena coisa, um pequeno detalhe. Temos ainda muitos jogos no campeonato, é importante somar o maior número de pontos possível para no dia 5 de dezembro ver se conseguimos encostar no líder. Temos de voltar a vencer, conseguimos no clássico, aí vai recuperando a confiança e fica mais leve o ambiente para se trabalhar – avaliou o goleiro Fernando Prass.

GE