X

Notícias

Grêmio mostra força no segundo tempo e vence o Atlético-PR na Arena da Baixada

Esportes, Nacional
-
22/05/2017 10:04

Depois de uma primeira parte com as equipes se estudando, Tricolor marca com Luan e Barrios e mantém 100% no Brasileirão mesmo após expulsão de Marcelo Grohe

Foto: Reprodução
Legenda da foto

O Grêmio fez um jogo sólido e soube aproveitar as oportunidades criadas para vencer o Atlético-PR por 2 a 0 na tarde deste domingo, na Arena da Baixada, pela segunda rodada do Brasileirão. Os gols saíram no segundo tempo – o primeiro logo aos 45 segundos –, com Luan e Barrios. E o Tricolor ainda conseguiu se defender bem após a expulsão de Marcelo Grohe para manter os 100% de aproveitamento.

Depois do jogo, a situação do Grêmio lhe colocava em primeiro lugar na tabela com seis pontos, superando o Fluminense nos critérios. Mas ainda pode perder o posto pelos outros resultados da rodada. O Furacão segue zerado e é penúltimo, à frente apenas do Atlético-GO.
As duas equipes voltam a campo pelo Brasileirão no domingo que vem. O Atlético recebe o Flamengo, às 16h, novamente na Arena da Baixada. Já o Grêmio vai a Pernambuco enfrentar o Sport, às 19h, na Ilha do Retiro.

Com formações espelhadas tanto atacando quanto defendendo, Atlético-PR e Grêmio praticamente se estudaram por 45 minutos. O Furacão terminou o primeiro tempo com 60% de posse de bola, mas pouco conseguiu infiltrar na defesa adversária. Do outro lado, ocorreu o mesmo. O Tricolor apenas virou a bola de um lado a outro, sem maior objetividade. O destaque foi a não marcação de um pênalti a favor do Atlético, em chute de Rossetto que bateu no braço de Kannemann dentro da área.

O zagueiro Paulo André falou após o jogo: “Entramos distraídos no segundo tempo”. Assim, logo aos 45 segundos o Grêmio já abria o placar, em jogada bem trabalhada que Luan finalizou no ângulo. Com o jogo controlado, os gaúchos ampliaram aos 13, após Ramiro cruzar e Barrios desviar para o gol. Depois, Marcelo Grohe abusou da “cera”, recebeu dois amarelos e foi expulso. O Furacão pressionou no final, mas não conseguiu seu gol

O segundo tempo logo começou, e o Grêmio comemorou. Com apenas 45 segundos de jogo, Arthur alçou a bola para Ramiro, que tentou encontrar Barrios. O atacante desviou, e Luan apareceu de trás para acertar o ângulo esquerdo de Weverton. O gol veio em boa hora para o camisa 7, que já começava a receber novas críticas da torcida.

Ainda no primeiro tempo, o goleiro Marcelo Grohe foi alertado pelo árbitro Marcelo Aparecido de Souza pela “cera” na cobrança do tiro de meta. Aos 22 do segundo, recebeu o primeiro cartão amarelo. Com 2 a 0 no placar, ele repetiu a dose e, aos 30, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

O Atlético-PR obteve uma classificação emocionante no meio da semana passada na Libertadores, ao vencer o Universidad Católica fora de casa por 3 a 2. Neste domingo, o time pareceu relaxado, com pouca inspiração. Tentou pouco no primeiro tempo. Só foi pressionar após sair atrás no placar. Nikão foi quem mais teve chances de fazer o gol.

GE/ Fronteira Online