X

Notícias

Homem tenta se enforcar na Delegacia da Mulher

Notícias
-
25/08/2017 16:25

Por volta das 21h30, investigadores flagraram o morador de rua, que havia sido preso pela Lei Maria da Penha, com a forca feita de tecido

Foto: Reprodução
Legenda da foto

Mais um preso sob custódia da Polícia Civil tentou se matar dentro de uma cela. Desta vez na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), na 204/205 Sul. O caso ocorreu na noite de terça-feira, 22, e por pouco o homem não se enforcou — ele foi impedido por agentes. Nos últimos 40 dias, dois homens conseguiram tirar a própria vida quando estavam detidos em delegacias.

Por volta das 21h30, investigadores flagraram o homem, um morador de rua que havia sido preso pela Lei Maria da Penha, com uma forca já presa ao pescoço. A ação rápida dos agentes evitou que o suspeito tirasse a própria vida.

O homem utilizou materiais retirados de um colchonete para fazer a forca: pedaços de plásticos, um zíper e fios de náilon. Depois do incidente, o morador de rua foi transferido para a carceragem do Departamento de Polícia Especializada (DPE).

Outros casos
Em 14 de julho, o motorista da Caixa Econômica Federal (CEF) Luís Cláudio Rodrigues, 48 anos, foi encontrado sem vida em uma cela da 13ª DP (Sobradinho). Segundo laudo da PCDF, ele se enforcou.

Exatamente um mês depois, houve um caso semelhante. O técnico de gráfica Giovânio Alves da Silva, 43, morreu enforcado em uma cela da 27ª DP (Recanto das Emas). A suspeita é que ele também tenha se matado.

Um policial ouvido pela reportagem revelou que tentativas de suicídio dentro de delegacias são um problema recorrente, que ganhou projeção na mídia com as mortes de Luís Cláudio e de Giovânio. Segundo a Polícia Civil, nos últimos dois meses, agentes da corporação teriam evitado que ao menos sete pessoas se matassem nas carceragens de delegacias locais.

Metrópoles/Fronteira Online