X

Notícias

Justiça condena três por estupro coletivo de menor em balada de SP

Notícias, Policial
-
29/09/2017 11:26

Crime ocorreu em 2012, quando a vítima tinha 17 anos de idade

Jovem era menor de idade quando foi vítima de estupro coletivo dentro de balada em Santos (Foto: G1 )
Legenda da foto

Três homens foram condenados por conta do estupro coletivo de uma adolescente de Santos, no litoral de São Paulo, dentro de uma balada. O crime ocorreu em 2012, quando a vítima tinha 17 anos de idade. Os réus ainda poderão recorrer em liberdade.

A sentença foi aplicada pela juíza Lívia Maria de Oliveira Costa, da 2ª Vara Criminal de Santos. De acordo com ela, Thiago Domingos, segurança da casa noturna, foi o responsável por levar a vítima para o local do crime. Ele foi condenado a cinco anos de reclusão em regime semiaberto.

Já Leandro dos Santos e Vinicius Marcatti, amigos do segurança, foram condenados a 10 anos de reclusão, em regime fechado. Os três foram reconhecidos pela vítima e por outras testemunhas, que a resgataram após a consumação do crime.

Em junho do ano passado, a Justiça já havia condenado a casa noturna a pagar uma indenização de R$ 180 mil, por danos morais, para a garota. Na época do crime, a jovem conversou com o G1 e contou detalhes do crime.

A vítima alegou que consumiu bebidas alcoólicas e, dentro da balada, acabou fazendo amizade com um segurança. Em depoimento, a jovem disse que foi dopada e estuprada dentro do banheiro adaptado para deficientes físicos. Um laudo do IML comprovou que a vítima sofreu diversas lesões e ficou com hematomas e escoriações, além de comprovar que ela realmente foi estuprada.

G1