X

Notícias

#Libertadores: Tudo o que você precisa saber sobre San Lorenzo x Flamengo

Esportes, Internacional
-
17/05/2017 11:29

Rubro-Negro enfrenta rival argentino no confronto que define os classificados do Grupo 4

Foto: Reprodução GE
Legenda da foto

A noite desta quarta-feira será de definição para o Grupo 4, considerado o mais equilibrado da Libertadores. Na liderança da chave, o Flamengo tem pela frente mais um jogo decisivo para seus planos no decorrer da temporada. A equipe precisa de pelo menos um empate para não depender de outros resultados e avançar às oitavas de final. A partida será no estádio Nuevo Gasómetro.

Caso seja derrotado o Rubro-Negro só não passa de fase se o Atlético-PR conseguir uma vitória diante do Universidad Católica, no Chile. Os dois jogos serão disputados no mesmo horário: 21h45 (de Brasília)

Transmissão: TV Globo para RJ, PR (Curitiba), MG, ES, GO, TO, MS, MT, SE, AL, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR, AP e DF (com Luis Roberto, Junior e Arnaldo Cezar Coelho) e SporTV (com Luiz Carlos Jr e Lédio Carmona)

Flamengo – Técnico Zé Ricardo

O Flamengo segue sem a referência de Diego. Entre os 21 jogadores que viajaram para Buenos Aires, o destaque é o retorno de Rômulo, que está fora do time há três jogos. Caso o camisa 27 ainda não tenha condições de jogo, a tendência é que Zé Ricardo aposte novamente na formação com Trauco atuando no meio e Renê na lateral esquerda. Na direita, Pará cumpre suspensão e será substituído por Rodinei.

Desfalques: Diego e Donatti (lesionados) e Pará (suspenso)

San Lorenzo – Técnico Diego Aguirre

A base da equipe é praticamente a mesma que foi goleada pelo Flamengo na estreia da Libertadores, no Maracanã. Só que desta vez, a equipe está com ritmo de jogo e embalada pelas duas vitórias seguidas no torneio continental. A mudança mais importante foi a entrada do goleiro Navarro no lugar de Torrico. A formação ainda conta com a dúvida se Merlini jogará no lugar de Botta. O destaque é a boa fase do atacante Blandi.

Desfalques: Não tem

Árbitro: Enrique Caceres (PAR), auxiliado por Eduardo Cardozo (PAR) e Juan Zorrilla (PAR)

GE/ Fronteira Online