X

Notícias

Valentina chama Amanda Nunes de “maluca” e afirma: “Não é boa pessoa”

Esportes, UFC
-
16/05/2017 10:18

Desafiante ao título peso-galo feminino diz que confusão na encarada em entrevista coletiva foi uma reação de medo da brasileira: "Ela está assustada porque vou vencer"

Amanda Nunes e Valentina Shevchenko em encarada após entrevista coletiva (Foto: Jason Silva)
Legenda da foto

Amanda Nunes e Valentina Shevchenko têm encontro marcado para a aguardada revanche válida pelo peso-galo feminino apenas no início de julho, no UFC 213, em Las Vegas. Porém, quase dois meses antes do confronto, as lutadoras já estremecem o mundo do MMA com muita provocação. Na última sexta-feira, inclusive, em encarada feita após uma entrevista coletiva promovida pelo Ultimate para divulgar o calendário do segundo semestre, a brasileira e a atleta naturalizada peruana precisaram ser separadas pelos seguranças.

Sobre o incidente, a brasileira afirma que a rival quem deu início à confusão, já que tocou seu rosto primeiro. Porém, de acordo com Valentina Shevchenko, as atitudes de Amanda Nunes durante todo o evento evidenciam medo da campeã peso-galo feminino em perder seu cinturão.

– Ela é uma boa lutadora, perigosa e até respeito isso. Mas, como pessoa, não. Uma boa pessoa jamais agiria dessa maneira. Ela diz isso, diz aquilo, mas fica agindo igual uma maluca. Só que isso acontece porque ela está mesmo assustada, com medo. É algo que vem de dentro dela esse medo. Mas vou responder esse discurso na luta – afirmou Shevchenko.

De acordo com a lutadora naturalizada peruana, após o ocorrido na última entrevista coletiva, não há mais espaço para respeito na relação com a brasileira Amanda Nunes. Segundo Valentina Shevchenko, esta é a primeira vez em que vai se preparar para uma luta tendo que lidar com emoções pessoais e não apenas profissionais.

– Eu sempre tenho bastante respeito pelas minhas oponentes, mas, a partir do momento que começam com trash talk ou agindo dessa maneira, perco totalmente o respeito por esse tipo de pessoa. Acho que o verdadeiro artista marcial não deve jamais perder o respeito pelo seu adversário, mas, falando especificamente da Amanda, ela não é uma boa pessoa – disse.

Por fim, Valentina Shevchenko explicou que confia na vitória sobre Amanda Nunes não apenas porque acreditar ter uma capacidade técnica melhor, mas também por ser mais experiente no MMA que a brasileira.

– Na verdade, o MMA é minha vida. Não é só a minha carreira ou o que vou fazer agora. Claro, quero ficar mais forte a cada dia e, a cada luta, fico mais experiente. Isso é importante ao longo dos anos lutando no UFC e, por isso, meu objetivo mental é ser campeã. Farei uma ótima luta e mostrarei o meu melhor para tomar o cinturão. Estarei melhor preparada, tenho mais experiência nas artes marciais mistas e mereço mais essa vitória que ela – concluiu.

Combate/ Fronteira Online